Áreas de investigação do OAUP:

  • Posicionamento por satélite e navegação
  • Sistemas GNSS/Dead-Reckoning
  • Geodinâmica
  • Monitorização de zonas costeiras
  • Mobile mapping
  • Cartografia
  • Gravimetria aérea
  • Radioespectrografia solar
  • Meteorologia do Espaço
  • Modelos Digitais de Terreno
  • Veículos Aéreos Não Tripulados

Projecto GEOMAD




Decorreram entre os dias 24 de Agosto e 6 de Setembro de 2010 a experiência do projecto científico GEOMAD, medição do geóide na Madeira.


O objectivo deste projecto é o cálculo de um geóide local com uma precisão superior a 10 centímetros sobre a ilha da Madeira.
 
O geóide é o nível de referência para o sistema de altura usado em Portugal e pode ser calculado de observações gravidade.

No entanto, existem apenas cerca de 40 observações gravidade terrestre na Madeira, que não é suficiente.

Existem também dados gravimétricos marinhos feitas em navios, mas a precisão dessas observações está longe de ser perfeito, cerca de 15 mGal.

O último modelo do geóide desta região construída por Catalão e Sevilla com esses dados tem uma precisão de cerca de 14 centímetros em comparação com referenciais geodésicos da Madeira.


A gravimetria aérea é um método eficaz para observar a gravidade tanto sobre a terra de montanha e zonas costeiras e, portanto, ideal para o cálculo de um geóide local.
 
O
novo geóide local também pode ser utilizado em estudos de dinâmica da topografia da superfície do mar.


Na experiência realizaram-se voos definindo várias faixas, espaçados em cerca de 10-20 km sobre a região da Madeira a uma altura de 2,5 km, com a medições inerciais com um Litton LN200 Unit (IMU), que vai observar com grande precisão a aceleração da aeronave, o campo gravitacional da Terra.


Além disso, foram usados dois receptores GPS que observam a aceleração da aeronave. A diferença entre as observações GPS e do IMU irão fornecer informações sobre o campo de gravidade da Terra
.


Devido as excelentes condições oferecidas pelo avião utilizado, um ATR 42 da SAFIRE (Service des Avions Français Instrumentés pour la Recherche en Environnement) foi possível combinar em conjunto com a experiência de um outro projecto denominado por iWAKE.


Estiveram envolvidas nestas duas campanhas os seguintes organismos: CIIMAR, EUFAR, SAFIRE/Meteo France, OAUP/FCUP, LSA/ISEP,
UMA, SRES/Governo Regional da Madeira, IGP e IM.